Home / Notícias / 17/02/2021 - Produção nacional de petróleo em janeiro cresce 5,2% ante dezembro

17/02/2021 - Produção nacional de petróleo em janeiro cresce 5,2% ante dezembro

SyndContentImpl.value=
Em relação ao volume produzido em janeiro de 2020, houve queda de 9,4%, informou a ANP A produção brasileira de petróleo em janeiro totalizou, em média, 2,869 milhões de barris diários (barris/dia), queda de 9,4% na comparação com o volume registrado em janeiro do ano passado, segundo dados preliminares da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Em relação a dezembro, houve aumento de 5,2% nos volumes produzidos no país. A produção de gás natural totalizou 136,3 milhões de metros cúbicos por dia em janeiro, 1,7% menor na comparação interanual. O volume, porém, representa aumento de 7,3% em relação ao mês anterior. A produção média total no mês passado foi de 3,727 barris de óleo equivalentes por dia (BOE/dia), retração de 7,7% ante um ano antes. Por outro lado, a média total cresceu 5,7% sobre dezembro. Com isso, a produção total nacional alcançou os maiores volumes desde agosto e interrompeu quatro meses seguidos de queda. Petrobras Ainda de acordo com a ANP, a produção de petróleo e gás natural da Petrobras cresceu 8,12% na comparação com dezembro. Em janeiro, a estatal produziu, em média, 2,755 milhões de BOE/dia, o maior patamar desde setembro do ano passado. Rich Press/Bloomberg A alta em janeiro interrompeu uma sequência de quatro meses seguidos de queda nos dados operacionais da empresa, decorrente da concentração de paradas programadas nas plataformas no segundo semestre de 2020. Contudo, o volume produzido pela petroleira no começo de 2021 ficou 6,95% abaixo dos patamares apurados um ano antes. A Petrobras produziu, em janeiro, 2,140 milhões de barris/dia de petróleo e 97,868 milhões de m3/dia de gás natural. Houve um aumento de 7,9% no volume produzido de óleo e de 8,8% no de gás, no mês passado, ante dezembro. Na comparação anual, por sua vez, a produção da empresa recuou 7,7% no petróleo e 4% no gás. ANP e Petrobras têm metodologias diferentes para contabilizar a produção de petróleo ? a estatal, por exemplo, considera os líquidos de gás natural, enquanto a agência inclui o condensado, mas não o óleo de xisto produzido em São Mateus (PR). Os dados da ANP, de todo modo, dão um bom indicativo do que se esperar do relatório de produção da estatal, divulgado trimestralmente. SyndContentImpl.interface=interface com.sun.syndication.feed.synd.SyndContent SyndContentImpl.type=text/html SyndContentImpl.mode=null Leia mais

Atendimento

COTAÇÃO ONLINE

Envie sua solicitação. A Miller Torres liga para você.

ONDE ESTAMOS

Rua 104 nº 192 St. Sul
Goiânia-GO, Brasil
CEP 74083-300

ATENDIMENTO

Telefone: (62) 3093-8080
Horário de atendimento:
Segunda a Sexta-feira
das 8:30h às 18:00h

NEWSLETTER