Home / Notícias / 12/02/2021 - Safra inicia cobertura do Grupo Mateus (GMAT3) com classificação de compra para ações

12/02/2021 - Safra inicia cobertura do Grupo Mateus (GMAT3) com classificação de compra para ações

SyndContentImpl.value=
Preço-alvo para os papéis é de R$ 11, ação mais barata do setor varejista de alimentos A varejista de alimentos Grupo Mateus (GMAT3) opera principalmente no Norte e Nordeste, estados com alta capacidade de crescimento, aponta o Safra Getty Images A Safra Corretora iniciou a cobertura no Grupo Mateus (GMAT3), um dos maiores varejistas de alimentos no país, com classificação de compra e preço-alvo para as ações GMAT3 de R$ 11 por ação. Segundo relatório assinado por Guilherme Assis e Felipe Reboredo divulgado na última quinta-feira, 11, nos últimos anos, o Grupo Mateus desenvolveu uma estratégia assertiva, que resultou no maior CAGR (taxa de crescimento anual composta) de vendas (18,9% de 2017-2019) entre os varejistas de alimentos listados no Brasil, tornando-se o quarto maior player, dominando as regiões Norte e Nordeste. O Grupo Mateus (GMAT3) opera principalmente nos estados do Maranhão, Pará e Piauí ? estados de baixo desenvolvimento econômico e alta capacidade de crescimento, diz o relatório. Juntamente com sua alta exposição ao atacarejo, ajudou a alcançar uma combinação atraente de alto crescimento e alto retorno . Para os especialistas da Safra Corretora, como resultado, as ações do Grupo Mateus (GMAT3) negociam com uma avaliação de prêmio, a um PE (relação entre preço e lucro) projetado de 19,4 vezes (30% de prêmio para o múltiplo de 14,9 vezes do Grupo Carrefour e 38% para o múltiplo de 14,1 vezes do GPA). ?Vemos que GMAT3 é o player mais barato para investidores em busca de crescimento. As ações do Grupo Mateus negociam a um PEG (Price Earnings to Growth, uma métrica que relaciona o preço da ação ao lucro e ao crescimento) projetado de 0,8 vez, um desconto de 47% para CRFB3 (Atacadão) e desconto de 32% para PCAR3 (GPA)?, afirmam os analistas. Grupo Mateus (GMAT3): principal aposta de crescimento Para se destacar dos principais players da região, o Grupo Mateus desenvolveu uma unidade de produção de panificação e uma central de fatiamento e porcionamento próximo à sua sede, em São Luiz. Segundo o Safra, o elevado nível de serviço não é exclusividade dos mercados Super e Hiper, estando presentes no Mix Atacarejo (modelo tradicional de atacarejo) e Super Camino (mini atacarejo) . Apesar dos níveis de serviço mais elevados, cada seção de loja tem o seu próprio P&L (demonstrativo de lucros e perdas), garantindo o elevado nível de serviço, mas também a rentabilidade das suas lojas. ?O mini atacarejo deve ser um dos principais motores de crescimento, com um cenário competitivo benigno. Ao contrário dos principais players nacionais, o Grupo Mateus desenvolveu um mini modelo tipo atacarejo que permite chegar a cidades menores?, afirma o relatório. Em 2016, a empresa lançou o Super Camino, loja de 800 metros quadrados com 6.000 SKUs (Unidades de Manutenção de Estoque), localizada entre o centro e a periferia. Na avaliação dos analistas, as lojas Super Camino proporcionaram uma vantagem competitiva na região, trazendo qualidade e preços acessíveis para regiões pouco penetradas pelos players nacionais e pouco frequentadas por pequenos clientes locais, o que deverá constituir um dos principais motores de crescimento do grupo, com mais de 60 inaugurações de novas lojas nos próximos cinco anos. Impacto do fim do auxílio emergencial Segundo o Safra, o chamada ?Coronavoucher? impulsionou o Grupo Mateus em 2020, e o recuo em 2021 é o principal risco. ?A doação emergencial de R$ 600 ajudou a sustentar a massa salarial durante a pandemia, dando um impulso extra ao varejo, especialmente para produtos que atendiam a funcionários de home office, incluindo alimentos básicos. Apesar de impulsionar todo o setor, as apostilas tiveram impacto mais significativo nas regiões Norte e Nordeste do Brasil?, apontam os analistas. Durante a pandemia, 38% dos habitantes do Maranhão e do Pará receberam o benefício, principal área de atuação do Grupo Mateus, que se compara a 28% em São Paulo. No segundo trimestre de 2020, o Maranhão apresentou aumento de 39% na massa de rendimentos com ajuste sazonal, enquanto o Pará cresceu 49% . ?Acreditamos que o Grupo Mateus deve continuar em forte crescimento. No entanto, devemos ver uma queda acentuada no crescimento da linha superior com o término do Coronavoucher?, pontua o relatório. Ações do Grupo Mateus (GMAT3): prós e contras de se investir O Safra cita três motivos para investir nas ações do Grupo Mateus (GMAT3): o alto nível de serviço e lucratividade; o mini cash-and-carry (pague e leve), que deve ser um dos principais motores de crescimento do Grupo Mateus, com um cenário competitivo benigno; e o valuation atrativo (quando comparado com os outros players do setor de varejo de alimentos). Entre os riscos estão, segundo os analistas, o fim do auxílio emergencial, que pode ter um impacto negativo na atividade de varejo, e o boom no preço das commodities, com consequente inflação dos alimentos. Além disso, vale lembrar que, desde 2011, o Grupo Mateus possui benefício fiscal no estado do Maranhão, e uma possível reforma tributária, ou expansão para outros estados da região, traz o risco de aumento do imposto de renda da empresa. SyndContentImpl.interface=interface com.sun.syndication.feed.synd.SyndContent SyndContentImpl.type=text/html SyndContentImpl.mode=null Leia mais

Atendimento

COTAÇÃO ONLINE

Envie sua solicitação. A Miller Torres liga para você.

ONDE ESTAMOS

Rua 104 nº 192 St. Sul
Goiânia-GO, Brasil
CEP 74083-300

ATENDIMENTO

Telefone: (62) 3093-8080
Horário de atendimento:
Segunda a Sexta-feira
das 8:30h às 18:00h

NEWSLETTER