Home / Notícias / 03/03/2021 - Bolsas de NY fecham em queda com forte recuo das ações de tecnologia

03/03/2021 - Bolsas de NY fecham em queda com forte recuo das ações de tecnologia

SyndContentImpl.value=
As ações do setor de tecnologia tiveram mais uma vez a pior performance do dia, recuando 2,49% no índice amplo de Wall Street, o S&P 500, e pressionando o índice tecnológico Nasdaq Os índices acionários de Nova York fecharam em forte queda nesta quarta-feira (3), com as ações de tecnologia tomando mais um tombo em uma sessão de novas altas dos juros dos títulos do Tesouro americano (Treasuries). O índice tecnológico Nasdaq fechou em queda de 2,70%, a 12.997,75 pontos, enquanto o S&P 500 recuou 1,31%, a 3.819,72 pontos, e o Dow Jones caiu 0,39%, a 31.270,09 pontos. As ações do setor de tecnologia tiveram, mais uma vez, a pior performance do dia, recuando 2,49% no índice amplo de Wall Street, o S&P 500, e pressionando o índice tecnológico Nasdaq, que sofreu a maior queda no dia. Os rendimentos (yields) dos Treasuries ? cuja alta tem pressionado as ações de tecnologia nas últimas semanas ? voltaram a subir hoje, impulsionados, em parte, pela afirmação do presidente americano, Joe Biden, de que os EUA terão vacinas para todos os americanos adultos até maio. Ainda assim, os rendimentos sobem a um ritmo bem menos acelerado do que o salto visto na semana passada, com o yield da T-note de dez anos fechando, hoje, a 1,47%, de 1,42% do fechamento anterior. Além do otimismo com a distribuição da vacina, as perspectivas para a recuperação econômica americana ? assim como para a inflação ? receberam mais suporte com a notícia de que os legisladores do Partido Democrata, do presidente Biden, tentarão resolver as diferenças com os republicanos em questões como os benefícios aos desempregados, enquanto tentam aprovar o novo pacote de US$ 1,9 trilhão em estímulos fiscais. O otimismo, porém, alimenta os receios dos investidores com uma possível disparada da inflação em meio à recuperação da economia americana, e tentam avaliar a possibilidade de que os bancos centrais reduzam a acomodação monetária antes do esperado para conter os preços. Dados econômicos Os dados econômicos ajudam a arrefecer um pouco os temores de disparada das pressões inflacionárias, mas não são suficientes para segurar a alta dos yields. De acordo com dados divulgados pela Automatic Data Processing (ADP) e pela Moody?s, o setor privado americano criou 117 mil vagas em fevereiro, ficando abaixo das expectativas de economistas ouvidos pelo "Wall Street Journal", que esperavam a geração de 225 mil vagas no período. O presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, disse, na semana passada, que manterá as condições monetárias acomodatícias até que o BC americano alcance a sua meta de pleno emprego, ressaltando que milhões de americanos ainda não conseguiram voltar ao mercado de trabalho, em meio à crise gerada pela pandemia de covid-19. O índice PMI de atividade do setor de serviços do ISM indicou uma desaceleração da recuperação em fevereiro, com queda a 55,3 pontos, de 58,7 em janeiro, ficando abaixo também da expectativa de consenso, de leitura estável a 58,7 pontos. Já o índice PMI da IHS Markit subiu a 59,8 em fevereiro, de 58,3 em janeiro, superando a estimativa preliminar de 58,9 pontos. SyndContentImpl.interface=interface com.sun.syndication.feed.synd.SyndContent SyndContentImpl.type=text/html SyndContentImpl.mode=null Leia mais

Atendimento

COTAÇÃO ONLINE

Envie sua solicitação. A Miller Torres liga para você.

ONDE ESTAMOS

Rua 104 nº 192 St. Sul
Goiânia-GO, Brasil
CEP 74083-300

ATENDIMENTO

Telefone: (62) 3093-8080
Horário de atendimento:
Segunda a Sexta-feira
das 8:30h às 18:00h

NEWSLETTER