Home / Notícias / 24/08/2020 - Trump considera acelerar trâmites para vacina contra covid-19 antes das eleições

24/08/2020 - Trump considera acelerar trâmites para vacina contra covid-19 antes das eleições

SyndContentImpl.value=
Uma das opções que estão sendo avaliadas envolve a FDA, a agência de vigilância sanitária dos EUA, que poderia conceder uma ?autorização para uso emergencial? ainda em outubro O governo de Donald Trump está considerando contornar os padrões regulatórios normais das autoridades de saúde americanas para acelerar a aprovação de uma vacina experimental do Reino Unido contra a covid-19 e disponibilizá-la nos EUA antes da eleição presidencial, de acordo com três pessoas com conhecimento dos planos ouvidas pelo jornal ?Financial Times?. Uma das opções que estão sendo avaliadas envolve a FDA, a agência de vigilância sanitária dos EUA, que poderia conceder uma ?autorização para uso emergencial? ainda em outubro para a vacina que está sendo desenvolvida entre a farmacêutica AstraZeneca e a Universidade de Oxford. A autorização seria concedida com base nos resultados de um estudo relativamente pequeno realizado no Reino Unido, caso ele seja bem-sucedido, de acordo com as fontes ouvidas pelo ?FT?. Ontem, a FDA liberou o uso de plasma de convalescentes no tratamento de covid-19. O anúncio foi feito pelo próprio Trump, que fez várias críticas ao órgão ao longo do fim de semana. Segundo o presidente americano, por motivos políticos, a agência estaria demorando demais para liberar testes de vacinas e tratamentos contra a doença. Alex Brandon/AP Oferecer uma vacina antes da eleição pode permitir que Trump alegue ter mudado a maré na luta contra o vírus que já matou mais de 170 mil americanos e reverter as críticas generalizadas à resposta da Casa Branca à pandemia. O estudo da AstraZeca incluiu cerca de 10 mil voluntários, mas as agências do governo americano afirmam que, para autorizar uma vacina, ao menos 30 mil pessoas precisariam ter testado a substância. A farmacêutica também está realizando outro estudo com um grupo maior de voluntários. Os resultados, porém, só serão divulgados depois do ensaio menor. No entanto, se o governo Trump pressionar para obter a autorização emergencial antes da eleição, contornando as diretrizes normais do governo, poderá abalar a confiança do público na segurança das doses antes de um dos maiores programas de imunização da história dos EUA. Segundo uma das fontes ouvidas pelo ?FT?, o chefe de gabinete da Casa Branca, Mark Meadows, e o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, disseram a lideranças do Partido Democrata que consideravam contornar as normas regulatórias para acelerar a aprovação da vacina. As declarações teriam ocorrido em uma reunião no último dia 30 de junho com a presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, e o líder da minoria democrata no Senado, Chuck Schumer. Na reunião, Meadows teria citado a possibilidade de uma autorização especial ser concedida em setembro, possivelmente para a candidata da AstraZeneca. Já Mnuchin disse que o governo espera a aprovação emergencial para uma vacina antes de o processo ser totalmente concluído. Pelosi teria advertido aos dois que não deveria haver ?nenhum atalho? no processo de aprovação da vacina. Questionado sobre o caso pelo ?FT?, o Departamento do Tesouro americano afirmou, em nota, que Mnuchin não fez qualquer comentário sobre a AstraZeneca e não conhece detalhes sobre a vacina desenvolvida pela farmacêutica. ?Ele também não está ciente de quaisquer planos que a FDA possa ter em relação a qualquer autorização de uso emergencial para qualquer vacina potencial, além do que já foi declarado publicamente?, disse a nota. A Casa Branca não respondeu aos pedidos para comentar a reportagem. SyndContentImpl.interface=interface com.sun.syndication.feed.synd.SyndContent SyndContentImpl.type=text/html SyndContentImpl.mode=null Leia mais

Atendimento

COTAÇÃO ONLINE

Envie sua solicitação. A Miller Torres liga para você.

ONDE ESTAMOS

Rua 104 nº 192 St. Sul
Goiânia-GO, Brasil
CEP 74083-300

ATENDIMENTO

Telefone: (62) 3093-8080
Horário de atendimento:
Segunda a Sexta-feira
das 8:30h às 18:00h

NEWSLETTER