Home / Notícias / 04/09/2020 - IBM adia nomeação de ex-executivo pela Microsoft

04/09/2020 - IBM adia nomeação de ex-executivo pela Microsoft

SyndContentImpl.value=
Empresa reclama de quebra de contrato por parte de Rodrigo Kede e quer que o executivo devolva US$ 1,3 milhão em ações da companhia Rodrigo Kede, ex-executivo da IBM, terá de esperar até maio de 2021 para assumir a presidência da Microsoft para a América Latina. A data foi determinada na quinta-feira (3) pela Corte do Estado de Nova York, em decisão preliminar favorável à IBM, que decidiu processar o executivo por quebra de contrato. Em 20 de maio, dois dias após Kede ter deixado a IBM, a Microsoft anunciou a nomeação do executivo para a presidência na América Latina. Kede assumiria a vaga deixada por César Cernuda, que tornou-se presidente da NetApp, empresa de serviços de armazenamento de dados em nuvem. A Microsoft sinalizou que pretende recorrer da decisão. A Big Blue entrou com a ação contra Kede na justiça americana em 15 de junho alegando quebra de contrato e apropriação indébita de segredos comerciais. Segundo a empresa, o executivo estava violando o acordo de não competição que previa um intervalo de 12 meses após sua saída da IBM caso assumisse alguma função em uma companhia concorrente. A IBM também pediu que o executivo devolvesse US$ 1,3 milhão em ações da companhia. Em julho, Kede se defendeu dizendo que a IBM estava superavaliando seu conhecimento da estratégia e que devolveu documentos, apagou e-mails de dispositivos pessoais e não compartilhou informações confidenciais com ninguém de fora da companhia. Ele também informou ter devolvido US$ 2,2 milhões em ações sobre as quais teria direito como executivo. De acordo com a decisão desta quinta-feira, Kede alegou que ele e sua família seriam forçados a retornar ao Brasil por motivos de imigração, caso fosse impedido de assumir a posição para a qual foi contratado na Microsoft. ?O Sr. Lima testemunhou que não queria voltar ao Brasil por preocupação com sua saúde e o bem-estar de sua família à luz da pandemia COVID-19?. Procuradas pelo Valor, a IBM não quis comentar a decisão e a Microsoft declarou estar desapontada, sinalizando que pretende recorrer. ?Estamos decepcionados com a decisão de hoje do tribunal dos Estados Unidos e, no momento, estamos revisando nossas opções e as possíveis próximas etapas?, disse a empresa em nota. ?Nada na decisão do tribunal implica a integridade de Rodrigo Lima e acreditamos que sua conduta reflete sua honestidade e elevados padrões éticos. Esperamos tê-lo em nossa equipe por muitos anos?, declarou a empresa. Em 2015, o Kede já havia passado por outra saia justa em sua carreira, quando deixou a IBM para substituir Laércio Cosentino no comando da fornecedora de sistemas de gestão Totvs. Após um ano na Totvs, ele deixou a empresa e retornou à IBM em poucos dias. Na época, a Totvs explicou que a saída havia ocorrido por questões de saúde. Rodrigo Kede Silvia Costanti/Valor SyndContentImpl.interface=interface com.sun.syndication.feed.synd.SyndContent SyndContentImpl.type=text/html SyndContentImpl.mode=null Leia mais

Atendimento

COTAÇÃO ONLINE

Envie sua solicitação. A Miller Torres liga para você.

ONDE ESTAMOS

Rua 104 nº 192 St. Sul
Goiânia-GO, Brasil
CEP 74083-300

ATENDIMENTO

Telefone: (62) 3093-8080
Horário de atendimento:
Segunda a Sexta-feira
das 8:30h às 18:00h

NEWSLETTER